23/04/2018

Bizarre News: Quem atravessar a rua com sinal vermelho é molhado

A polícia de trânsito chinesa encontrou um novo sistema para "travar" os peões que atravessam ilegalmente a rua: é emitido um jato de água quando tentam atravessar a passadeira com o sinal vermelho.
O sistema consiste em cinco postes amarelos fixos ao chão, nos dois lados da passadeira, que estão conectados ao sistema de tráfego e emitem um jato de água sempre que detetam alguém a tentar atravessar quando o sinal ainda está vermelho.
Os postes, que têm cerca de meio metro, emitem também uma luz verde ou vermelha, correspondente à do semáforo, e incluem um sistema de voz que avisa quando é o momento oportuno para atravessar a rua.
Além disso, o sistema permite também o reconhecimento facial e reproduz a foto da pessoa que tentou transgredir a lei em ecrãs expostos pela cidade.
Este tipo de transgressão é levado muito a sério na China, onde as autoridades estão cada vez mais a apostar no reconhecimento facial.
A inovação está ainda em fase de testes, em Daye, em Hubei (China), segundo a agência de notícias chinesa Xinhua.

in Jornal de Notícias

16/04/2018

Azeite Nacional: Ana Malhoa - Viúva Negra

Ana Malhoa aproveitou a mística desta sexta-feira 13 para lançar o single Viúva Negra.  No videoclip, partilhado no Youtube, a cantora aparece sensual, ora em tons de negro, ora completamente nua, ora apenas coberta por lençóis pretos ou vestida de vermelho.  A premissa é logo anunciada no começo do vídeo, com Ana Malhoa a surgir de vestido comprido, a espalhar sangue pelo chão. O cenário da aranha que arranca cabeças é explorado em profundidade, com a cantora a surgir, igualmente, numa espécie de teia negra, rodeada de bailarinas.  A letra também não deixa esquecer o nome da canção, que é repetido até à exaustão, no refrão. Já sabes quem sou, se quiseres eu vou, deixa-te cair na minha teia. Agora eu me dou, depois acabou. Já sabes qual é a ideia, anuncia.  Isto vai ser só uma noite. Só uma e nada mais. Vou dar-te a beber do meu veneno em gestos mortais, continua.  Este é o mais recente single a ser lançado, depois da canção Ampulheta, que surgiu no final de 2017. 
Viúva Negra apresenta um som e beat bem urbano e que se adequa à voz quente e sensual de Ana Malhoa.
A fotografia e a encenação do videoclipe deste novo tema reporta o espectador para os anos 50/60 e um ambiente mais cinematográfico. Neste novo videoclipe, Ana Malhoa volta a quebrar todos os conceitos e preconceitos com um tema em que a mulher é colocada em primeiro, os seus desejos e ambições são explicitamente seguidos sem preocupações e hesitações.
O videoclipe do novo single apresenta-se numa narrativa sombria, em tons de preto e vermelho e mostra a artista com um visual mais clássico.

25/03/2018

Azeite Nacional: Ban - Mundo de Aventuras


Mundo de Aventuras, último álbum dos Ban antes da pausa em 1994, mantém as melodias benfazejas que a banda de João Loureiro já oferecera ao mundo em Surrealizar e Música Concreta (casa da imbatível Dias Atlânticos).
O arranjo do tema Mundo de Aventuras foi feito com bocadinhos de todas as outras músicas, realmente o grupo não tinha falta de criatividade.

Pimbalation: Iran Costa - Meu bicho e teu pacote (feat. Rosinha)

Quase, quase diria que esta música junta o melhor de Portugal com o melhor do Brasil. Temos mais um hit fantabolástico do nosso "Bicho" com a mistura da nossa sempre predilecta Rosinha. É de 2017 mas está bem fresca e é sempre a bombar. Divirtam-se com o bicho e o pacote.

11/03/2018

Pimbalation: Iran Costa - O Bicho Moderno (2015)


Iran Costa começou a sua carreira como locutor e produtor de rádio. “Penso em Ti” marcou o seu primeiro grande sucesso musical.
“O Bicho” foi o grande êxito de Iran Costa editado em 1995, rendeu seis discos de platina.
Esta é a versão de 2015.

04/03/2018

Azeite Nacional: Karyna – Não vou ser tua escrava



Estamos de regresso às grandes malhas da música popular alternativa. E nada melhor do que uma grande cantora destas lides. Aproveitamos as informações que nos foram dadas pelo Portal Pimba.

Não vou ser tua escrava é o novo trabalho de Karyna que vem confirmar o bom momento que a carreira da artista atravessa nos últimos 3 anos, altura em que relançou a sua carreira.
Andreia Karyna nasceu no Porto em 1987 numa família de artistas, tendo acompanhado desde cedo o seu pai nos bailaricos que este fazia pela região. O bichinho pelos palcos foi crescendo e em 2008 aposta numa carreira a solo com o disco Um grande amor. O disco não atinge o sucesso esperado e a sua carreira atravessa um longo hiato.
Em 2016 decide voltar a apostar na sua carreira e lança o álbum Entra e Dança editado pela País Real Produções, editora que a tem agenciado desde então. Em 2017 edita o Casa comigo com a produção do incontornável Páquito, homem por detrás de grande parte dos sucessos da música popular portuguesa.
Depois de Casa comigo, Não vou ser a tua escrava é a aposta da cantora para o verão de 2018 e a natural continuação do trabalho anterior, uma vez que, se estamos a falar numa canção autobiográfica, é comum que após o primeiro ano de lua de mel as queixas comecem a aparecer. Eu não vou ser, não vou ser a tua escrava, passar a vida com a barriga no fogão. Eu não vou ser, não vou ser a tua escrava meu amor, quer tu queiras quer não, são as queixas que Karyna tem ao fim de um ano de casamento,  mas pelo que sei da vida, em breve irá queixar-se de muito mais coisas.

06/12/2015

Pimbalation: Landrick - Fila Da Goda

Hoje inauguramos uma nova rubrica. O Azeite Nacional que realça as grandes malhas  da música popular alternativa internacionalizou-se e apresenta a sua versão estrangeira. Aqui estarão os grandes hits da world music alternativa, reciclada e servida apenas para si.
Aqui fica o grande hit do angolano Landrick que veio no mesmo contentor do Anselmo Ralph. Ouçam com atenção pois não temos equipa de legendagem ou de dobragem. Não temos seguro para os vossos ouvidos... Desfrutem!!!